O empresário João José Matias, encontrado sem vida em um motel da cidade de Coruripe, no litoral Sul de Alagoas, foi morto por golpes de arma branca, é o que concluiu o laudo do Instituto Médico Legal de Alagoas (IML), divulgado na tarde desta terça-feira (12). O crime aconteceu na manhã dessa segunda, 11 de julho.

Segundo o relatório, o empresário foi assassinado com ‘objeto perfuro-cortante’.


De acordo com o portal TNH1, que entrevistou o delegado Alexandre César, responsável pelo inquérito, a investigação ainda está em fase inicial e o caso está sendo tratado como latrocínio - roubo seguido de morte -, porém, outras linhas de investigação não foram descartadas e testemunhas estão sendo ouvidas.

O delegado acredita, ainda, que pela quantidade de pertences roubados, o crime tenha sido cometido por mais de uma pessoa. “Uma pessoa sozinha dificilmente levaria os pertences que foram roubados, pela quantidade. Foram levados um frigobar, televisão, as câmeras... Como também o carro. Então é de se entender que o crime teria sido praticado por mais de um suspeito", disse ao TNH1.