A realização de perícias médicas para a revisão do benefício por incapacidade, antigo auxílio-doença, foi suspensa temporariamente, após aumento de casos de Covid-19 desde o início do ano. Segundo o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), a suspensão vale para agendamentos feitos desde o dia 12 de janeiro de 2022.

A decisão da Subsecretaria da Perícia Médica Federal, do Ministério do Trabalho e Previdência, em conjunto com o instituto, foi publicada nesta quinta-feira (13), no Diário Oficial da União. 

De acordo com o instituto, as perícias que foram suspensas serão remarcadas para o segundo semestre de 2022. "O INSS irá comunicar os segurados sobre a nova data de remarcação. Os segurados convocados para o Programa de Revisão que tiveram a perícia suspensa continuarão recebendo o benefício normalmente, até serem atendidos pela Perícia Médica", afirma O INSS em nota.