Um homem morreu afogado e atacado por piranhas após pular em um lago em Brasilândia de Minas, a 440 km de Belo Horizonte, para fugir de um enxame de abelhas. 

Segundo o Corpo de Bombeiros, a vítima, de 30 anos, e mais dois amigos estavam pescando no local quando foram atacados pelos insetos. Todos eles pularam na água para fugir das picadas, mas só dois conseguiram nadar. O terceiro se afogou. 

O corpo só foi localizado após horas de buscas, próximo às margens do lago. O cadáver apresentava sinais de afogamento e mordidas na cabeça, orelhas, mãos e olhos. Os moradores da região confirmaram aos militares a presença de piranhas no curso d’água.

A perícia não compareceu ao local e o corpo da vítima foi deixado com o pai para providências.

*​Estagiário do R7 sob a supervisão de Lucas Pavanelli.